Sentido da Patrício Lima foi projetado pela duplicação da BR-101

Na última sessão da Câmara de Vereadores, o vereador Gelson Bento (PP) fez duras críticas ao governo de Olavio Falchetti, que teria alterado o sentido da avenida Patrício Lima sem consultar os comerciantes locais – Gelson defende que a Patrício Lima deveria ser a entrada e a Padre Geraldo Spettmann, a saída da cidade. Ocorre que a decisão foi tomada, em conjunto com o Dnit, quando da concepção do projeto de duplicação da BR-101. Tanto que isso justifica a existência de um acesso, no viaduto central, para quem transita no sentido Norte-Sul, como demonstra a foto. Restou apenas executar o projeto, corrigindo os problemas históricos de desnivelamento e alagamentos da Padre Geraldo Spettmann e, enfim, implementando o binário que resolveu muitos dos problemas de congestionamentos das duas vias. Pode ser mudado, como tudo na gestão pública – até porque o próprio acesso do viaduto está desativado hoje –, mas sua implementação foi pensada há muitos anos e só veio a ser contestada depois de posta em prática.

Deixe uma resposta