Moisés tira o “elefante da sala” e nomeia Lucas

A odisseia de Lucas Esmeraldino por um espaço no governo do Estado teve fim na sexta-feira (7/12), quando ele foi anunciado pelo governador eleito Carlos Moisés da Silva como secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo do próximo governo. O colunista do Diário Catarinense Upiara Boschi destacou que a nomeação é uma forma quer Moisés tem de contemplar mantendo-o distante do Centro Administrativo.

Lucas não foi eleito senador nas eleições deste ano e acabou perdendo o seu mandato de vereador de Tubarão – no dia em que seu processo de cassação seria julgado pelo TRE, anunciou a renúncia para evitar a sentença. É uma escolha essencialmente política, fora dos padrões técnicos que vinham sendo usados.

Tornou-se para o Moisés o que Magno Malta representou para Bolsonaro: um elefante na sala, segundo o vice-presidente eleito Hamilton Mourão.

Teve melhor destino que seu guru.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *