MDB de SC adia decisão de candidatura em mais uma semana

A reunião da Executiva do MDB de Santa Catarina, realizada ontem, apenas postergou a definição do impasse para a definição do pré-candidato ao governo do partido. Um novo encontro vai acontecer na próxima segunda-feira, quando o governador Eduardo Pinho Moreira vai confirmar que pretende concorrer à reeleição, assim como o presidente estadual do partido, Mauro Mariani. Também participaram da reunião o senador Dário Berger, os ex-governadores Casildo Maldaner e Paulo Afonso, os deputados federais Rogério Peninha, Celso Maldaner e Valdir Colatto e os deputados estaduais Valdir Cobalchini, Luiz Fernando Vampiro, Dirce Heiderscheidt, Ada De Luca, Mauro de Nadal e Manoel Motta.

A disputa

Eduardo prorroga a confirmação de que pretende concorrer, mas deixa isso claro a cada entrevista ou atitude. Mariani demonstra contrariedade com essa entrada em campo no fim do prazo, já que propôs prévias no começo do ano. Eduardo argumenta que não pode concorrer a nenhum outro cargo que não o de governador, por não ter se desincompatibilizado, enquanto Mariani poderia buscar o Senado, por exemplo. Também demonstra confiança em ter mais capacidade de atrair partidos para a aliança, por ter o comando do Executivo estadual. Se não houver entendimento, pode haver a realização de prévias ou mesmo de disputa na convenção, em agosto.

Deixe uma resposta