Maioria da Comissão de Legislação é contrária ao Escola Sem Partido

Ainda sem data para ser deliberado pelo plenário da Cãmara de Vereadores de Tubarão, o projeto de lei “Escola Sem Partido” deve sofrer sua primeira derrota já na apreciação pela comissão de Legislação, Justiça e Redação Final, que está com a incumbência de emitir um parecer sobre a matéria.

A comissão é presidida justamente pelo autor do projeto, Lucas Esmeraldino (PSDB). Mas os outros dois membros do grupo – Maurício da Silva (PPS) e Socadinho (PMDB) – já declararam a representantes dos professores que são contra o texto.

Desta forma, o parecer deverá recomendar a reprovação da pauta.

Vereadores contrários

Alguns vereadores declararam aos representantes dos professores que estiveram na sessão da última segunda-feira que também votarão contra o projeto de lei, como Moisés Nunes (PP) e José Luiz Tancredo (PSDB).

Professor Paulão (PT) declarou posição contrária tão logo a ideia foi apresentada, por violar a Constituição Federal e impor restrições descabidas ao trabalho dos professores em sala de aula.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *