João Rodrigues sofre revés no STF e deve ser impugnado

O deputado federal João Rodrigues (PSD), que cumpre a atividade parlamentar e prisão em regime semiaberto, teve ontem os embargos apresentados por sua defesa negados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e viu sua pretensão de disputar a eleição deste ano ficar ainda mais complicada. Condenado em última instância por fraude à lei de licitações por um ato praticado em 1999, quando exercia o posto de prefeito de Pinhalzinho. O deputado gravou em vídeo logo ao fim do julgamento, admitindo a derrota e declarando que cumprirá a sua pena, aguardando a reversão para o regime aberto em 60 dias. Com esse quadro, é provável que a sua esposa, Fabiana Rodrigues, seja candidata a deputada federal, pelo DEM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *