Celesc mais confunde do que explica sobre a unidade de Tubarão

O presidente da Celesc, Cleicio Poleto Martins, apresentou-se hoje a Tubarão, cidade onde vive há alguns anos. A maioria das lideranças presentes não o conhecia e ele próprio demonstrou que ainda está se acostumando à ideia de ocupar um posto de tamanha envergadura.

Demonstrou muita vontade de trabalhar e foi às lágrimas ao fim da atividade na Associação Empresarial (Acit), numa atitude compreensível para quem assumiu tal patamar de cobrança de uma hora para outra.

Na atividade, assim como nas últimas semanas, Cleicio e sua equipe mais confundiram do que explicaram.

Primeiro, foi anunciado que a unidade de Tubarão seria superior hierarquicamente à de Criciúma, numa nova divisão regional;

Depois, após uma enquadrada de deputados e do prefeito Clésio Salvaro, que seria o contrário: a de Criciúma é que mandaria na de Tubarão.

Hoje, outra versão: tudo fica como sempre foi, cada um no seu quadrado.

Embora aparentemente cheia de boas intenções, a equipe da Celesc protagonizou um evento constrangedor. Falou muito e disse pouco.

Passa a impressão de estar um tanto perdida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *