Câmara de Tubarão rejeita tolerância na Área Azul

A Câmara de Vereadores de Tubarão rejeita tempo de tolerância na Área Azul. O vereador Dalton Marcon (PSD), inicialmente, apresentou projeto de lei que regulamentava a tolerância em 15 minutos. O texto, porém, acabou reprovado pelo Plenário por 10 x 5.

Assim, prevalece o texto que não prevê nenhuma tolerância no estacionamento rotativo.

Embora o texto tenha sido apresentado por um vereador da base, o governo orientou voto contrário. Assim, a Câmara rejeita a tolerância na Área Azul.

Ademais, implementação do sistema tem sido confusa. Diversas ruas tiveram a regulamentação posteriormente à sinalização.

O sumiço da Guarda Municipal certamente é outro problema.

Aliás, são mais de 2,7 mil vagas com cobrança.

10 votos rejeitaram a tolerância na Área Azul

  • Alexandre Moraes (PSD)
  • Eraldo Pereira da Silva (PPS)
  • Evandro Mota (PP)
  • Gelson Bento (PP)
  • Chumbinho (PSDB)
  • Jairo Cascaes (PSD)
  • José Luiz Tancredo (PSDB)
  • Júlio Kuriskinho (PP)
  • Moisés Nunes (PP)
  • Paulo Henrique Lúcio (PT)

5 vereadores votaram pela aprovação da tolerância na Área Azul

  • Xandão (PSDB)
  • Dalton Marcon (PSD)
  • Douglas Antunes (MDB)
  • Socadinho (MDB)
  • Cascão (MDB)

2 ausências

  • João Fernandes (PSDB)
  • Zaga Reis (PP)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *