Autor do “Escola sem Partido” recua e solicita reunião pública

Na sessão de ontem da Câmara, o vereador Lucas Esmeraldino (PSDB) formalizou a solicitação de realização de uma reunião publica para o projeto de lei “Escola Sem Partido” (“Lei da Mordaça”). O projeto é cópia de textos que tem sido apresentados em diversos municípios, estados e até na Câmara dos Deputados, sendo alvo de pesadas críticas por entidades que representam alunos e professores.

O tema também sofreu sucessivas derrotas no campo da Justiça, dada a sua evidente inconstitucionalidade.

Em São Paulo, um vereador invadiu uma escola pública para “fiscalizar” a implementação da lei

O pedido de realização de reunião pública vem depois desses fatos.

A proposta apresentada foi de que a reunião pública ocorra no dia 9 de junho, às 19h, no Espaço Integrado de Artes (Bolha) da Unisul. Depende de deliberação da Câmara e da Unisul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *